Capivari de Baixo

Capivari de Baixo - Capivariense recebe assistência da equipe de saúde para fazer transplante

Publicado em 21/12/2007 às 00:00 - Atualizado em 15/10/2014 às 15:23


Por volta das 13h30min desta última quinta-feira, 20, o sentimento de angústia do capivariense Romeu Serafim, 62 anos, começava a dar espaço para o alívio e a esperança. Há três meses, foi diagnosticado um tumor no fígado e, a partir daí, iniciou um intenso trabalho da equipe de saúde de Capivari de Baixo, em busca de um transplante para o paciente. Antes mesmo de necessitar do novo órgão, Romeu já vinha recebendo todo auxílio necessário no Pronto Atendimento 24 horas.

Apesar de todo empenho da secretaria de Saúde do município, era preciso paciência e pensamento positivo. "Um transplante de órgão não é algo muito simples. Há quem fique anos na fila à espera de um doador", relata a médica do P. A., Renata Rockenbach. Mas a boa ação de uma família do município de Blumenau deu ao capivariense Romeu a oportunidade de receber o órgão sem ter que esperar por mais tempo. Ao receber a notícia que haveria um doador blumenauense, logo no início da tarde, profissionais de saúde de Capivari precisaram agir rapidamente para conseguir um transporte aéreo, uma vez que feita a viagem por terra, poderia não dar mais tempo de realizar a cirurgia. Depois de muitos contatos veio o auxilio da Polícia Militar, com o helicóptero que saiu Florianópolis e chegou em Capivari por volta das 17h30min. O pouso ocorreu no estádio Engº Lírio Búrigo e a cada segundo daquele momento era nítido nos rostos de Romeu e dos familiares a sensação de conforto. "Graças a Deus que tudo está indo muito bem. Este é um presente de Natal. Só devo agradecimentos aos esforços da secretaria de Saúde", relata a esposa de Romeu, Maria Salete Anselmo.

Ao decolar, o capivariense acena para toda a família com a confiança depositada nas forças divinas. A médica do Pronto Atendimento, Renata Rockenbach também acompanhou o paciente, enquanto a família do capivariense foi até a Blumenau por meio de uma condução, disponibilizada pela prefeitura de Capivari de Baixo. "Este é mais um capítulo da história de sucesso da área da saúde no município. Mostra também que a administração municipal realmente se preocupa a população capivariense", ressalta o secretário de Saúde, Ricardo Arboite. "Estamos salvando a vida de um de nossos munícipes e isso é muito importante. A saúde do nosso município é levada a sério, e casos como estes dependem bastante do nosso comprometimento como gestores", declara o prefeito Moacir Rabelo.

O doador - Após sofrer um traumatismo craniano, decorrente de um acidente doméstico, a família de um blumenauense de 40 anos, que ainda vive o triste momento da perda de um ente querido, resolveu fazer uma boa ação. A partir daí, o espírito solidário tomou conta da família, o que possibilitou a doação do fígado ao capivariense.

A cirurgia - Assim que chegou em Blumenau, próximo das 19 horas, Romeu foi encaminhado imediatamente ao Hospital Santa Isabel para realizar o transplante. Segundo o hospital, a cirurgia demorou por volta de cinco horas e logo após o paciente foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Romeu reagiu bem à cirurgia e o quadro clínico é estável. Não há previsão de quanto tempo o paciente ficará na UTI, mas a previsão é que em torno de 30 dias, Romeu retorne ao município de Capivari de Baixo.

Fonte: ASCOM/PMCB


Galeria de Arquivos